Estudante pensando em como melhorar sua rotina de estudos

Rotina de estudos: como planejar e otimizar na EAD

O ensino a distância tem inovado a área da Educação, permitindo que cada vez mais pessoas possam ter acesso ao curso superior, ao unir flexibilidade e economia. No entanto, muitos alunos se questionam sobre como manter uma boa rotina de estudos EAD.

Voltar a estudar e ter disciplina nem sempre é uma tarefa fácil. É por isso que vale a pena apostar em algumas ferramentas e técnicas de organização para aproveitar ao máximo o período universitário.

E é sobre isso que queremos falar neste post. A seguir, saiba mais sobre o ensino a distância e veja como montar uma rotina de estudos produtiva!

Por que a modalidade EAD é vantajosa?

Por que será que a educação digital tem conquistado tantos adeptos ultimamente? A resposta é simples e tem a ver com as diversas vantagens que estudar a distância é capaz de proporcionar.

Confira os principais benefícios que os alunos podem desfrutar ao apostarem na modalidade EAD durante o curso superior!

Flexibilidade de horários e localização

O que faz com que você pense duas vezes antes de iniciar uma graduação ou pós-graduação? Se for a falta de tempo livre no cotidiano ou os desafios de se locomover até o campus da instituição de ensino, saiba que o EAD tem excelentes maneiras de ajudar a superar esses problemas.

Afinal, estudando a distância, você tem uma maior flexibilidade de horários. É possível, por exemplo, usar o tempo livre entre um compromisso e outro para ver um conteúdo, assistir às aulas após chegar do trabalho ou aproveitar o final de semana para colocar a matéria em dia.

São várias as opções que os alunos têm ao dispor para montar uma rotina de estudo mais favorável. Isso porque, nos cursos de educação digital, os horários não são fixos e é possível se organizar da forma mais adequada para cumprir os prazos das atividades.

Já quanto à localização, os estudantes podem estudar de onde estiverem. Desse modo, não há a necessidade de procurar uma instituição de ensino na própria cidade ou em uma região próxima, aumentando as chances de encontrar o melhor lugar para fazer o curso desejado. 

Mensalidades mais em conta

Só o fato de não ter que gastar com transporte para ir ao curso proporciona uma ótima economia mensal, não é mesmo? No entanto, essa não é a única vantagem financeira do ensino a distância.

As mensalidades também são mais acessíveis, sendo possível encontrar valores que cabem no bolso. Como as instituições de ensino conseguem reduzir despesas, no que diz respeito às instalações físicas, como gastos imobiliários, de energia, de água etc., há a possibilidade de oferecer mais essa vantagem aos alunos.

Melhor gestão do tempo

A oportunidade de organizar os seus horários de maneira mais equilibrada também é garantida pela EAD. Esse é um benefício e tanto para quem precisa enfrentar jornadas duplas, como trabalho e estudos, ou até mesmo triplas, conciliando a vida profissional e pessoal com outros compromissos.

Qual a diferença entre a rotina de estudos EAD para a presencial?

Vale ressaltar, desde já, que tanto o ensino a distância quanto o presencial apresentam vantagens. Desse modo, independentemente da escolha que você fizer, tenha em mente que investir em um curso superior é apostar também em um bom desenvolvimento pessoal e profissional.

Entretanto, é interessante saber que diversas coisas mudam no dia a dia de quem estuda a distância e de quem faz um curso presencial. Para começar, a frequência nas aulas é cobrada de forma diferente. Afinal, no EAD, nem sempre é necessário participar de atividades síncronas (que exigem participação simultânea do aluno e do professor) e a assiduidade do aluno costuma ser verificada de acordo com a entrega das tarefas.

Além disso, a rotina criada pelo próprio estudante pode variar bastante. Existem alunos que gostam de manter um horário de estudos a distância parecido com o que teria na faculdade presencial.

Desse modo, organizam-se para começar as atividades sempre na mesma hora, finalizando diariamente no mesmo período. Nesse caso, o que muda mais na rotina é o local de estudos, que se torna a casa da pessoa, em vez de o polo educacional.

Já para quem não tem interesse ou disponibilidade de tempo para criar um padrão de horários fixo, como em um curso presencial, a rotina pode se tornar bastante diferente.

Por exemplo, há quem estuda de madrugada, pois sente mais produtividade nesse período. Ao mesmo tempo em que existem alunos que preferem criar um fluxo de estudos pausado, alternando entre outras atividades.

Como visto, os estudantes que optam pelo EAD têm maior flexibilidade. E essa é uma das principais diferenças da dinâmica do ensino presencial, que permite a criação de uma rotina mais fixa e previsível.

Quais são os principais desafios de estudar a distância?

Apesar de apresentar inúmeras vantagens, a educação digital também pode contar com diversos desafios. Conhecê-los é uma maneira de se preparar para driblar as dificuldades e se organizar melhor para tirar o maior proveito dos benefícios do EAD.

A seguir, saiba quais são os principais obstáculos enfrentados pelos alunos do ensino a distância e veja como superá-los com eficiência!

Aproveitamento do formato digital

Praticamente todo mundo que passou pelo ensino básico teve a experiência de estudar de forma presencial. Desse modo, essa é uma modalidade mais comum e que os alunos já sabem o que esperar.

Por conta desse costume, algumas pessoas podem demorar mais para se adaptar à dinâmica da educação digital. Afinal, como todas as atividades e interações ocorrem no modo remoto, a experiência é diferente daquela sentida ao estudar presencialmente.

Isso não significa que o EAD não proporciona uma vivência positiva. Muito pelo contrário!

Compromisso do estudante

No ensino a distância, outra dificuldade que pode ocorrer é a de manter a disciplina e a concentração nos estudos. Por mais que ter autonomia sobre o próprio aprendizado seja um grande benefício, sem uma boa organização, isso pode ser um desafio.

Por esse motivo, ao ingressar no EAD, é preciso ter em mente que o comprometimento com o curso é fundamental. Desse modo, é possível manter um ritmo de estudos favorável e ter um ótimo desenvolvimento.

Cronograma adaptado

Adaptar o cronograma do curso à rotina é outra dificuldade que os estudantes podem sentir no ensino a distância. Isso é totalmente comum, principalmente no início, para quem está procurando se acostumar com esse formato.

Para isso, é necessário desenvolver habilidades de organização e disciplina com as atividades acadêmicas. A boa notícia é que, ao conseguir, o aluno também estará estimulando competências muito admiradas no mercado de trabalho.

Acessibilidade digital

É importante levar em conta que não são todas as regiões do país que apresentam uma conexão online estável e cerca de 40 milhões de pessoas não têm acesso à internet no Brasil, atualmente.

Dessa forma, a acessibilidade digital também pode ser um desafio para os alunos que desejam cursar o EAD.

Como criar uma rotina de estudos EAD?

Agora, sim, chegou a hora de descobrir como melhorar seu desempenho no curso superior e aproveitar ao máximo os benefícios do EAD. Para isso, nada melhor do que montar uma boa organização dos estudos.

Confira excelentes dicas para construir um dia a dia equilibrado e que vai ajudar a impulsionar o aprendizado!

Conheça a sua rotina

O primeiro passo para fazer uma boa gestão de tempo é conhecer seus horários. Desse modo, é possível identificar os períodos livres para encaixar as atividades da faculdade e administrar melhor os estudos.

Portanto, pare para pensar no que você faz diariamente. Que horas acorda? Quando almoça e janta? Quais são as principais atividades do cotidiano? Para ajudar, faça um cronograma e insira os horários de cada um dos compromissos que vieram à mente.

Reserve um momento para estudar

O próximo passo é encontrar um momento para estudar em meio às diversas tarefas do dia a dia. Para isso, vale a pena pensar também em quanto tempo você vai precisar para se dedicar às atividades acadêmicas.

Assim, é possível estipular os horários que serão exclusivos para os estudos. É interessante definir períodos fixos para criar uma rotina produtiva e mais organizada. Desse modo, você pode administrar as aulas e atividades para serem realizadas nesse momento reservado.

Quer complementar a gestão da rotina? Então, crie um planejamento dos estudos. Faça uma lista de todas as aulas, provas e trabalhos que precisam ser vistas ou entregues. Em seguida, observe os horários que encontrou para estudar e programe o que será feito ao longo do mês. 

Além disso, lembre-se de que trabalhar com períodos de curto a médio prazo permite que o planejamento seja mais preciso. Depois disso, é só ajustar as atividades de acordo com a semana ou o dia.

Definir a atividade que será realizada a cada horário ajuda a não se perder e a manter todas as entregas dentro do prazo. No entanto, tente também ser flexível nesse momento, para não se sobrecarregar ou criar um planejamento muito fora da realidade.

Avalie o desempenho

Para saber se a sua rotina de estudos está dando certo, é preciso acompanhar os resultados. Dessa maneira, observe o quanto aprendeu durante um determinado período, quais são as notas obtidas nas avaliações e trabalhos, além de como está sendo o cansaço no dia a dia.

Fazer essas análises é uma excelente estratégia para reorganizar o cotidiano de modo mais produtivo. Assim, o que não está dando certo pode ser ajustado logo de início, evitando maiores prejuízos.

Priorize as necessidades

Conciliar diversas tarefas no dia a dia não é uma missão fácil. Para levar tudo com mais equilíbrio, você vai precisar definir algumas prioridades. Inclusive, essa é uma atitude muito benéfica para manter a motivação e evitar a ansiedade.

Desse modo, experimente iniciar o dia pensando no que precisa ser feito sem falta. Lembre-se de que isso deve ser definido conforme as suas necessidades. Por exemplo, depois de uma fase exaustiva, o descanso pode se tornar a prioridade durante um período, até que você recarregue as energias.

Com isso, quando chegar o fim do dia e as demandas principais forem atendidas, você conseguirá ter a sensação de dever cumprido e evitar aquele pensamento de que não fez nada.

Tenha em mente que produtividade é sobre manter um bom ritmo. E isso não está necessariamente relacionado à execução de todas as tarefas planejadas de uma só vez. Pensar nisso ajuda a prezar pelo equilíbrio e, assim, manter o psicológico preparado para obter melhores resultados.

Organize o espaço de estudos

Sabia que ter um local só para estudar faz toda a diferença no rendimento? Ao usar apenas um ambiente para realizar atividades acadêmicas, o corpo e a mente começam a associar o lugar escolhido com a tarefa.

Dessa forma, se o objetivo é melhorar a concentração ou evitar a procrastinação, contar com um cantinho dos estudos é uma excelente solução. Assim, ao se sentar nesse espaço, seu cérebro logo vai entender que é hora de focar.

Além disso, ao pensar na decoração e organização dos materiais, é possível criar afeto pelo ambiente. É por isso que vale a pena também utilizar esse local como um recurso para se lembrar das suas motivações, trazendo incentivo para aqueles dias em que não dá tanta vontade de estudar. 

Defina metas

Quer mais uma estratégia para otimizar a rotina de estudos? Então, defina objetivos. Assim, você aumenta os estímulos que fazem com que se ative o sistema de recompensa. Dessa maneira, é possível sentir ainda mais satisfação ao ver uma tarefa concluída.

E não pense que essas metas precisam ser muito altas. Às vezes, encontrar 30 minutos para revisar um conteúdo já faz toda a diferença no seu aprendizado e permite sentir que está progredindo no curso.

Além disso, os objetivos podem ser definidos de acordo com o prazo. Por exemplo, é possível pensar em metas como, por exemplo:

  • realizar 15 exercícios de determinada disciplina durante a semana
  • ler os livros da matéria no mês
  • assistir às aulas pendentes no dia

Assim, você organiza seu planejamento para cumprir essas metas estipuladas dentro do tempo estabelecido.

Agora que você entendeu como é a rotina de estudos a distância, que tal começar a colocar essas dicas em prática? Mas, antes de ir embora, quer ver mais um conselho para desfrutar do EAD? Aposte em uma boa instituição de ensino, com professores qualificados, metodologias atualizadas e um excelente Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA).

Gostou da ideia? Então, conheça a Anhembi Morumbi! Veja mais dicas que preparamos para ajudar você a criar uma rotina de estudos de sucesso.

Compartilhe!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Receba conteúdos exclusivos diretamente no seu e-mail!

Diga o que está em sua mente

Seu endereço de e-mail não será publicado.