planejamento de carreira

Planejamento de carreira: 10 dicas para uma carreira de sucesso

Ainda tem gente que acredita que algumas profissões têm maiores chances de sucesso do que outras. Mas, na verdade, você pode alcançar a realização que deseja cursando qualquer graduação — só é preciso ter um bom planejamento de carreira.

Muitas vezes, os empecilhos que atrapalham a escalada profissional estão relacionados à falta de metas e objetivos. Portanto, para chegar onde você deseja, basta definir qual é esse destino e como ir até lá, e isso precisa ser pensando durante a faculdade.

Ainda existem muitas dúvidas sobre como fazer esse tipo de planejamento, mas não é o bicho de sete cabeças que muitos acreditam ser. Neste artigo, você vai descobrir como traçar o seu plano. Continue com a leitura e confira dicas para estabelecer uma carreira de sucesso no ramo que desejar!

Por que planejar a carreira é importante?

Imagine uma pessoa que deseja viajar para o Nordeste. Ela escolhe o estado de Alagoas, compra a passagem e vai para lá sem nenhum planejamento nem definição das cidades e dos pontos turísticos que pretende conhecer.

Provavelmente, essa pessoa vai perder muito tempo das férias tentando improvisar os passeios. A tendência também é gastar mais do que o previsto em função dessa falta de roteiro. Com a carreira, acontece do mesmo jeito.

Não basta definir uma área de conhecimento e escolher uma graduação qualquer dentro dela. Para alcançar o sucesso profissional, é preciso fazer o planejamento de carreira, que é basicamente um roteiro ou manual que será seguido para conquistar aquilo que se deseja.

Vamos tomar outro exemplo para ficar mais fácil entender. Pense em uma pessoa que escolheu cursar Administração. Essa é uma área muito vasta, que oferece uma gama de possibilidades das mais diferentes. Existe um excelente mercado de trabalho e muitas oportunidades.

Justamente por isso, é preciso definir aquilo que se pretende para o futuro e qual caminho será trilhado. São decisões que ajudam a manter o foco para não gastar tempo nem recursos com o que não vai trazer os resultados esperados.

O ideal é que o planejamento de carreira seja pensado antes mesmo de começar a graduação. Afinal, isso inclui a escolha do curso, da instituição e também dos passos que serão dados de forma simultânea aos estudos, ou que serão necessários após a finalização da faculdade. Pensar nisso agora ajuda muito a manter a organização do roteiro profissional.

Como fazer planejamento de carreira?

Não existe muito segredo na hora de cumprir essa tarefa. Você pode simplesmente ter papel e caneta em mãos para definir o passo a passo. O mais importante é que as etapas estejam bem estabelecidas para servir como um guia para suas ações e decisões.

Na hora de fazer esse planejamento, é fundamental considerar aquilo que o mercado está procurando para que você possa se adequar a essas demandas. Isso permite, inclusive, escolher uma graduação alinhada aos seus objetivos. Sem falar em encontrar uma instituição de ensino de qualidade, que garanta o preparo que o mercado está exigindo.

Ao mesmo tempo, é fundamental buscar o equilíbrio em relação aos seus desejos. Afinal, de nada adianta traçar um plano com foco no que está em alta, mas desalinhado com aquilo que é do seu interesse.

O planejamento de carreira visa trazer realização. Isso não envolve só o sucesso profissional, mas também aspectos pessoais. De toda forma, é interessante buscar alternativas para ir além do óbvio e estabelecer diferenciais para ser um profissional de destaque no mercado.

Sair da zona de conforto para se preparar melhor é fundamental para conseguir alçar voos mais altos. Porém, o plano deve respeitar etapas, seguindo degrau por degrau. Ou seja, a escalada precisa acontecer de uma forma gradativa. As metas devem ser palpáveis, respeitando a sua própria realidade e possibilidades.

10 dicas para uma carreira de sucesso

Agora que você já fez as considerações iniciais do planejamento, chegou a hora de colocar a mão na massa. Nos tópicos a seguir, listamos algumas dicas e estratégias que vão auxiliar na definição do seu plano para trilhar uma carreira bem-sucedida.

1. Estude o mercado

Olhar para o mercado é indispensável para que você faça o planejamento de carreira. De nada adianta, por exemplo, uma pessoa querer fazer aula de datilografia se o mundo está totalmente digital.

Procure estudar aquilo que está em demanda agora. Quais são as tendências? Como estão as relações de trabalho? O que as empresas esperam dos profissionais? Analise as áreas em alta e compreenda o perfil do profissional moderno, além de outros detalhes. Tudo isso vai ajudar a estabelecer um plano atualizado.

2. Conheça bem a profissão

Depois de ter escolhido a área de atuação, é fundamental conhecer muito bem a profissão que você exerce ou pretende exercer. Mas não estamos falando somente de conhecimentos técnicos, e sim do dia a dia, dos desafios e das demandas.

Procure analisar as alternativas para trilhar uma carreira em Y, em W ou outras opções. Confira as possibilidades de cargo e o que é necessário para ocupar um deles. Entenda qual é o perfil do profissional da área e quais habilidades estão sendo cobradas agora.

Essas informações serão fundamentais para fazer um comparativo com o seu perfil e capacitação no momento. Assim, poderá aprimorá-lo de modo que você consiga as oportunidades que busca dentro dessa profissão.

3. Determine seu propósito

Por que você escolheu tal área de atuação? Quais foram as motivações para se dedicar a essa profissão? O que espera para o futuro? Que tipo de impacto deseja promover na sociedade? Essas são algumas perguntas que ajudam a estabelecer o seu propósito.

A determinação dele também é fundamental para o planejamento de carreira porque ajuda a definir os caminhos que você precisa seguir. Afinal, o seu estudo e preparo, de modo geral, serão a base para realizar tudo aquilo que pretende.

4. Estabeleça metas

Até mesmo o maior dos edifícios foi construído a partir do alicerce, etapa por etapa. Nenhuma delas foi deixada de lado nem passou à frente da outra porque cada um dos passos dados no devido momento foi o que possibilitou alcançar o resultado final.

Quando você for traçar o planejamento de carreira, não se esqueça disso: um grande objetivo depende de pequenas metas. Elas podem ser traçadas para curto, médio e longo prazo. Cada uma tem um propósito e uma função para permitir chegar ao objetivo.

Ao estabelecermos metas, organizamos o que deve ser feito para alcançar o sucesso na carreira. Assim, cumprimos cada uma delas no seu devido momento, uma favorece a outra e, quando vemos, temos um grande objetivo concretizado.

5. Defina as ações necessárias

Digamos que um profissional queira trabalhar na área de comércio exterior de uma multinacional. Para isso, ele estabelece que fará um intercâmbio durante alguns meses, mas antes será necessário aprender outro idioma para se comunicar lá fora.

Perceba que uma ação vai levando a outra e permite alcançar o objetivo final. Faça o mesmo no planejamento de carreira. Uma vez que você estabeleceu as metas, defina quais ações serão necessárias para alcançá-las.

É como um jogo de estratégia. Se eu quero chegar até aqui, preciso fazer isso e depois isso para conseguir. Estabelecer uma sequência lógica é fundamental para que você não perca tempo e faça os investimentos certos.

6. Invista em autoconhecimento

Tenha certeza, isso não se relaciona apenas com questões de espiritualidade e aspectos psicológicos. Toda pessoa precisa entender a si mesma para saber quais são as suas qualidades, habilidades, bloqueios, defeitos, dificuldades e limitações.

Invista em autoconhecimento para ter consciência de quem você realmente é. Assim ficará mais fácil trabalhar os aspectos que poderiam atrapalhar o seu crescimento na carreira, além de fortalecer aqueles que são uma vantagem competitiva.

7. Desenvolva habilidades

Uma vez que você observou o mercado, estudou a profissão, identificou oportunidades e conheceu o seu próprio perfil e personalidade, é hora de desenvolver habilidades. O planejamento de carreira também precisa envolver esse tipo de formação e capacitação.

O ideal é que essas habilidades sejam estratégicas e tenham foco nos objetivos que você quer alcançar. Por exemplo, se pretende estar na diretoria de uma empresa, será necessário trabalhar negociação, comunicação e, em especial, liderança.

9. Mantenha conhecimentos atualizados

Não se esqueça de que o mercado muda com muita rapidez, e isso envolve todas as profissões. Sendo assim, para ter uma carreira bem-sucedida, é fundamental acompanhar todo esse movimento e manter os seus conhecimentos sempre atualizados.

Uma forma de fazer isso é acompanhar as notícias que envolvem o setor de interesse. Ao mesmo tempo, verifique temas paralelos que possam impactá-lo de alguma forma. Busque novos cursos, em especial quando forem lançadas novidades e inovações na sua área.

10. Faça networking

Para finalizar, não se esqueça da prática de conquistar e manter contatos com profissionais e empresas da área em que você pretende atuar. Isso é indispensável para que os demais conheçam o seu trabalho e saibam que você está disponível.

É uma forma de ganhar visibilidade, além de encontrar oportunidades. Ao estar no meio, esses profissionais de empresas vão lembrar de você. É válido incluir no planejamento de carreira a participação em eventos que permitam fazer esses contatos.

Um detalhe que você não pode esquecer é que o planejamento de carreira não é estático. É interessante rever os planos e fazer adequações sempre que surgirem novidades no mercado, ou mesmo se os desejos mudarem. Assim, você continuará mantendo o foco, ainda que a direção seja a outra.

Já que você quer alcançar o sucesso profissional, aproveite para conferir neste outro artigo 6 passos para dar um up na carreira e ganhar uma promoção!

Compartilhe!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Receba conteúdos exclusivos diretamente no seu e-mail!

Diga o que está em sua mente

Seu endereço de e-mail não será publicado.