nota do Enem

Qual deve ser a nota do Enem para entrar em uma faculdade? Descubra!

A participação no Enem não é uma garantia de que um estudante poderá disputar uma vaga no ensino superior. As instituições de ensino têm uma nota mínima que permite aos candidatos participarem dos processos seletivos. É essa pontuação que você deve buscar ao se perguntar qual é a nota do Enem para a faculdade.

Os estudantes que pretendem fazer o Exame e têm dúvidas de quanto precisam tirar não podem ir embora sem conferir o que reunimos neste post. Aqui estão as principais informações sobre qual a nota mínima do Enem e como essa pontuação pode variar, de acordo com as faculdades e formas de ingresso. Continue a leitura!

Qual é a nota mínima do Enem para entrar na faculdade?

Pode variar muito a pontuação do Enem suficiente para ingressar na faculdade, porque depende da forma de ingresso escolhida para disputar uma vaga. Por exemplo, se o candidato busca uma vaga por meio dos programas do Governo Federal (Prouni ou Fies), precisa tirar o mínimo de 450 pontos nas provas objetivas e não zerar a redação.

As provas objetivas são os cadernos de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Ciências Humanas, Matemática e Linguagens.

No Sistema de Seleção Unificada (Sisu), a exigência mínima para concorrer a uma vaga é que o candidato tenha obtido nota superior a zero na redação da edição mais recente do Enem. No entanto, mesmo que você alcance a nota mínima do programa, ainda será preciso enfrentar a concorrência para obter a aprovação em algum dos cursos.

Há diferença entre nota mínima e nota de corte?

Sim! A nota mínima é a pontuação que permite ao candidato participar da seleção de uma faculdade, enquanto a nota de corte é a pontuação do último candidato na lista de aprovados para determinado curso.

Um estudante que deseja se candidatar a uma seleção já entra sabendo da nota mínima para disputar uma vaga no processo de uma faculdade. Essa é uma pontuação fixa, que não muda de ano para ano.

Enquanto isso, a nota de corte só pode ser obtida no final da seleção, quando sai a lista de aprovados e é definida a pontuação do candidato que ficou em último lugar entre os aprovados. Essa nota será usada como referência na próxima seleção para mensurar quanto uma pessoa precisa tirar para ser aprovada em determinado curso.

Qual nota é preciso tirar no Enem para entrar na faculdade? 

Em faculdades particulares que aceitam a nota do Enem, é preciso verificar se a instituição de ensino cobra uma pontuação mínima (e, nesse caso, de quanto é essa pontuação). Já nos programas do Governo, a pontuação necessária muda a cada lista de aprovados.

No Sisu, há cursos tradicionalmente muito concorridos que terminam com notas de corte elevadas. Isso acontece com Medicina e Direito, por exemplo. A nota de corte para entrar nessas graduações pode ficar entre 700 e 850 pontos em universidades concorridas do país.

Em outros programas do Governo, como Prouni e Fies, as notas de corte são diferentes para as opções de graduação. Por isso, é importante saber como calcular a nota do Enem para a forma de ingresso que você escolheu.

Como utilizar a nota do Enem para entrar na faculdade?

Cada faculdade tem um jeito diferente de usar a nota do Enem para aceitar o ingresso de novos estudantes. Se você quer participar de algum dos programas do Governo Federal que oferecem vagas e bolsas de estudo, como o Sisu, Prouni e Fies, será preciso seguir as normas específicas da opção escolhida.

Mas esses programas não são a única maneira de entrar na faculdade com a nota do Enem, pois você ainda pode usar a pontuação na seleção de faculdades particulares.

A maioria dessas instituições aceitam a nota do Exame como forma de ingressar nos cursos, sem pedir a prova de vestibular. O candidato só precisa ter uma pontuação válida, de acordo com os critérios da própria faculdade, e ser aprovado nas etapas de avaliação. Feito isso, já pode se preparar para o início das aulas!

Como entrar na Anhembi Morumbi com a nota do Enem?

Está em busca de um jeito mais simples de entrar na faculdade pelo Enem? Na Anhembi Morumbi, quem fez o Exame pode usar sua melhor nota para entrar em nossos cursos e ainda concorrer a uma bolsa de estudo que cobre até 100% da mensalidade.

O percentual de desconto da bolsa aumenta conforme a média das quatro provas de conhecimento do Enem.

Funciona assim: você soma as quatro notas e divide o resultado por 4. Durante o processo de inscrição na Anhembi Morumbi, você informa o resultado final desse cálculo, e nós calcularemos o desconto na mensalidade. Quanto maior for a média, maior será o desconto.

Agora, veja o passo a passo de como usar a nota do Enem para entrar na Anhembi Morumbi:

  1. Tenha em mãos o número da sua inscrição do Enem;
  2. entre na página de inscrição de Anhembi ;
  3. Escolha a opção “cursar uma faculdade”;
  4. Opte por “usar a sua nota do ENEM”;
  5. Insira seus dados para realizar sua inscrição;
  6. Aguarde nosso contato para finalizar a matrícula.

Um detalhe importante é que, na Anhembi Morumbi, não tem nota mínima! Você não precisa se preocupar em alcançar determinada pontuação nas provas objetivas para usar a nota do Enem em um dos nossos cursos.

Por outro lado, se você quer uma bolsa de até 100% da nossa faculdade, há um pré-requisito: é preciso ter somado uma pontuação maior ou igual a 200 na redação.

Quem não faz Enem pode entrar na faculdade?

Sim! Existem outras formas de ingresso para além das oportunidades oferecidas com a nota do Enem. Aqui na Anhembi Morumbi, as alternativas para quem não vai usar a pontuação do Exame para entrar na faculdade são:

  • vestibular online (cada faculdade também pode oferecer um processo seletivo pela internet);
  • transferência (interna ou externa);
  • segunda graduação

*Confira como utilizá-las neste link.

Neste post, vimos as principais maneiras de usar a nota do Enem para a faculdade. As notas mínimas variam de acordo com a forma de ingresso escolhida pelo estudante e, dependendo da opção, as notas de corte também vão mudar drasticamente.

Se você ainda está em dúvida se essa é a hora certa de entrar na graduação, não perca tempo e confira o infográfico que preparamos com as razões para começar a faculdade agora!

Compartilhe!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Receba conteúdos exclusivos diretamente no seu e-mail!

Diga o que está em sua mente

Seu endereço de e-mail não será publicado.