curso redes de computadores

Curso de Redes de Computadores: conheça essa graduação e veja se ela é para você!

Escolher uma profissão não é tarefa fácil. Afinal, é a partir dessa formação que começamos a trilhar a nossa carreira para colocá-la em prática pelos próximos anos. Assim, precisamos observar vários fatores, como o mercado de trabalho, as oportunidades disponíveis e, claro, a nossa identificação com cada atividade. Dentro desse cenário, uma das modalidades mais buscadas pelo jovem da atualidade é o curso Redes de Computadores. Já ouviu falar?

Com a tecnologia superpresente do dia a dia da população, esse setor está crescendo a passos largos e precisando de colaboradores competentes, prontos para “colocar a mão na massa”, executar tarefas e promover a segurança de diferentes sistemas. Por essas e outras, se você é uma pessoa que se vê trabalhando no universo da computação, esse é um ótimo momento para explorar a fundo essa ocupação, os seus diferenciais e benefícios a longo prazo.

O melhor é que estamos aqui para facilitar essa tarefa. Neste post, descubra os detalhes do curso Redes de Computadores e veja, de uma vez por todas, se a alternativa é boa para você. Vem!

Afinal, o que é o curso de Redes de Computadores?

Com duração de dois anos e meio, ou seja, cinco períodos, o curso Redes de Computadores tem como objetivo ensinar o aluno a criar e aplicar projetos nas redes de computadores de uma determinada empresa. 

Desse modo, é possível promover melhorias em uma estrutura que já existe, além de desenvolver soluções de segurança capazes de proteger tais sistemas, garantindo, assim, a sua eficiência e minimizando qualquer problema futuro.

A grade curricular é voltada ao mercado de trabalho, abrangendo temas de alta relevância e diretamente relacionados às redes. Nos primeiros meses da formação do tecnólogo, são abordadas as matérias mais simples de Tecnologia da Informação (TI), como: 

  • Organização de Computadores; 
  • Programação Básica; 
  • Fundamento das Redes de Computadores;
  • Cenários de TI. 

Já nos semestres seguintes, você encontrará outras pautas, como aquelas que englobam a segurança e o roteamento dos sistemas, assim como outras ideais para que o aluno conheça os sistemas sem fio, com cabos e aqueles que são definidos por softwares.

Ah, é importante ressaltar que Redes de Computadores é um curso tecnólogo, como mencionamos antes. Isso significa que, além do tempo de duração menor, a diferença dessa opção para o bacharelado (com duração de até seis anos) é que a formação tecnológica é bem específica, carregando o intuito de formar profissionais extremamente preparados para as necessidades práticas da profissão. Como resultado, ele pode ser finalizado mais rapidamente que o modelo tradicional.

Vale lembrar que os cursos tecnólogos são uma modalidade de curso superior, assim como o bacharelado. Portanto, eles têm o mesmo valor de mercado e garantem a possibilidade de fazer pós-graduação.

O que esse profissional faz no dia a dia?

Com o conhecimento adequado, o profissional da área terá capacidade suficiente para cuidar de toda a implantação das Redes de Computadores.

Ou seja, ele conseguirá identificar os problemas e necessidades da empresa e, a partir disso, traçar as melhores saídas para otimizar o seu funcionamento, promovendo o máximo de eficiência.

Quem escolher essa profissão, ainda será responsável por fazer a vistoria e formular um laudo técnico com todos os pontos que merecem atenção.

Fora isso, existem três áreas distintas em que esse especialista poderá atuar no decorrer de sua carreira. Veja só!

  • Administrador de Redes: o colaborador será encarregado de implantar e fazer o monitoramento da Rede de Computadores. Ele administrará os servidores, banco de dados e até poderá atender aos usuários; 
  • Analista de Suporte: o profissional deverá instalar e configurar os programas próprios de antivírus, assim como precisará colaborar para a implantação e manutenção do backup; 
  • Analista de Segurança: será o responsável por elaborar um projeto e prezar pela segurança do sistema, tanto o de softwares quanto o de hardwares. 

Como é o mercado para Redes de Computadores?

A grande vantagem? O mercado de trabalho para o aluno que se forma no curso Redes de Computadores é bastante promissor. Atualmente, esse setor está aquecido, mesmo durante a crise, e a previsão é que o seu crescimento continue acelerado pelos próximos anos. 

No entanto, para conseguir boas oportunidades você precisará investir em uma boa qualificação: apostando em um ensino de qualidade, em uma universidade conceituada e devidamente certificada pelo Ministério da Educação (MEC)

Uma vez com o diploma em mãos, será possível atuar nas mais variadas empresas — sendo elas públicas ou privadas e de diferentes portes. Vale lembrar que todos os nichos da economia atual necessitam de um profissional com conhecimento em Redes de Computadores, independentemente de seu ramo de atuação. 

Ainda assim, as áreas que mais contratam esses especialistas são aquelas que executam atividades no ramo da internet, telefonia, operadoras de hardware, desenvolvedoras de softwares e até startups.

Dependendo das condições da organização, ainda há a possibilidade de um contrato como CLT, PJ, em modo terceirizado ou, simplesmente, como um consultor do assunto.

O salário do profissional do curso Redes de Computadores

No início da carreira, esse profissional pode começar ganhando um salário de R$1.600. Com o passar dos anos, porém, é provável que esse valor aumente, chegando até R$3.300. Agora, um especialista com especialização em Redes, consegue atingir uma remuneração melhor — em alguns casos, ultrapassando os R$8.000.

Qual o perfil do profissional de Redes de Computadores?

Assim como acontece em outras carreiras, é preciso que o profissional do curso Redes de Computadores tenha um perfil específico. Primeiramente, esse estudante tem que gostar das disciplinas típicas do mundo das exatas, como física e matemática. Ter um raciocínio lógico também é imprescindível, já que ele precisará resolver problemas de maneira rápida e eficiente.

Outro traço importante está em sua capacidade em conseguir trabalhar bem em equipe. No dia a dia, haverá a necessidade de se comunicar com objetividade e clareza com os demais membros da empresa e, até mesmo, com clientes variados. Em resumo, saber lidar com pessoas é um passo essencial para identificar problemas e encontrar os melhores modos de solucioná-los. 

Quer um bônus? Para se destacar e conseguir excelentes oportunidades profissionais, indicamos que esse estudante saiba ou tenha profunda vontade de aprender outros idiomas, como o inglês. Isso porque muitos programas utilizados nessa profissão e até algumas especializações são disponibilizados nessa língua. Não se esqueça!

Como vimos com este post, o curso Redes de Computadores oferece várias possibilidades aos profissionais da área. Caso tenha ficado interessado nessa formação, lembre-se de conhecer mais sobre os seus diferenciais e rotina, até ter a certeza de que é o melhor caminho para você. 

Como conhecimento nunca é demais, aproveite para conferir outro post sobre as 6 profissões do futuro que prometem abalar o mercado de trabalho. A leitura é rápida e valerá a pena!

Saiba por que você deve começar sua faculdade agora

Compartilhe!

Quer receber mais conteúdos como esse gratuitamente?

Receba conteúdos exclusivos diretamente no seu e-mail!

Diga o que está em sua mente

Seu endereço de e-mail não será publicado.